Mentoras

BETINA RAMOS

O momento certo em que a cientista Betina se tornou a empreendora Betina está bem claro para ela. Foi o momento que soube aproveitar as oportunidades. Seu caminho foi trilhado na vida acadêmica. Depois de terminar a graduação em Farmácia pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e voltar da França com um doutorado, Betina resistiu ao chamado de um concurso público para atuar na área acadêmica, e assumiu seu lado empreendedora.  Ao lado do marido, Ricardo Henrique Ramos, ela resolveu empreender e 2008 nasceu a Nanovetores em Florianópolis.

A Nanovetores Tecnologia S. A. é uma empresa multinacional brasileira inovadora, reconhecida mundialmente pelo desenvolvimento de sistemas de nano e microencapsulação de ativos. Hoje a empresa tem duas sede, uma em Florianópolis, e outra nos Estados Unidos. Um dos diferenciais da empresa é inovar de forma natural e tecnológica. Seu compromisso com a sustentabilidade está em todos os produtos que são concebidos a partir de um processo limpo e verde, em meio aquoso e livre de solventes orgânicos, o que confere segurança para o meio ambiente e para as pessoas.

A doutora Betina Giehl Zanetti Ramos é especialista no que faz, mas foi o seu empreendedorismo que fez concretizar o sonho que nasceu ainda na infância, quando já se sentia atraída pelos experimentos que ela mesma criava com plantas. Com o passar dos anos,  o gosto pela área científica foi só aumentando. E hoje, a empresa atua com grandes empresas do setor de cosméticos e coleciona prêmios de reconhecimento pelos produtos inovadores que lança no mercado. Betina sempre foi uma pesquisadora. 

Duas palavras que auto definem Betina são resiliência e positivismo. Ela consideram duas características essenciais na vida, seja pessoal ou profissional. Sócio dentro de casa O empreendedorismo ficou latente na vida da empresária quando ela e o marido se uniram. Ela com a veia técnica e ele com a administrativa. Juntos eles buscaram uma incubadora e com os incentivos montaram a Nanovetores. A empresa começou como startup e hoje é uma SA. Em seu doutorado que fez pela UFSC e pela Université Bordeaux 1, na França, Betina observou o sucesso dos cosméticos têxteis franceses e imaginou esse mesmo produto sendo fabricado no Brasil. Com o plano em mente, ela começou a desenvolver os protótipos internamente e apresentou os resultados do seu invento em um simpósio de nanotecnologia.

Ela esclarece ainda que os produtos Nanovetores utilizam elementos em sua composição que auxiliam na preservação da natureza e, além disso, a empresa não realiza testes em animais. Para Betina a fase mais difícil foi o início, quando é necessário convencer os clientes que o produto é interessante. Agora estamos o foco é no crescimento da empresa. Betina destaca ainda que com o aumento do portfólio de produtos, a comercialização também se intensifica, e nesse sentido é interessante firmar parcerias com outras empresas. Ela atribui o sucesso da Nanovetores a muito esforço, dedicação incansável na busca dos objetivos e a persistência.

Roteiro para Mentoria

  1. Trajetória Pessoal
  2. Como começou
  3. Carreira Acadêmica
  4. Início da empresa
  5. Trajetória da empresa – Atual e planos futuros
  6. Conquistas e maiores Desafios
  7. Maiores aprendizados
  8. Dicas para empreendedoras

LIDERANÇA EMPRESARIAL

Encontro dia às 19:00